Justiça ordena que Rose Miriam, viúva de Gugu, receba pensão mensal

A morte de Gugu Liberato comoveu o mundo artístico. Além da dor pela perda, a família do apresentador acabou se envolvendo em algumas polêmicas por causa da herança milionária deixada por ele.

Agora, a viúva de Gugu Liberato, Rose Miriam Di Matteo, conseguiu na Justiça de São Paulo o direito de receber pensão de R$ 100 mil por mês, segundo informações da coluna de Mônica Bérgamo, do jornal Folha de S.Paulo.

Na decisão, o juiz da 9ª Vara da Família e das Sucessões do Foro Central da Capital do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo ressalta que a quantia da pensão a ser recebida pela viúva do apresentador “satisfaz, ao menos para este momento, a equação possibilidades do alimentante (espólio) e necessidades da alimentada”. O valor é equivalente ao que Gugu destinou para o sustento da mãe, Maria do Céu.

Rose Miriam acionou a Justiça em dezembro do ano passado. Segundo os advogados da médica, após a morte de Gugu, ela ficou sem recursos para manter as despesas de casa. Na ocasião, ela pediu ainda reconhecimento de união estável com Gugu, com quem teve três filhos. O casal não era casado oficialmente, apesar de terem se relacionado durante 20 anos. Ela também não estava incluída no testamento assinado pelo apresentador em 2011.

Na ocasião, Rose Miriam chegou a afirmar em documento que foi companheira de Gugu Liberato por quase vinte anos e, apesar de não ter sido mencionada no testamento deixado pelo apresentador, ela é a representante legal da gêmeas Sofia e Marina, filhas mais novas do casal. Ela ainda argumentou que quando o testamento foi redigido, o casal passava por uma ‘crise’.

Fonte: Area Vip

DEIXE SEU COMENTÁRIO