O Sétimo Guardião: Luz descobre ser filha de Ondina, se revolta e dispara: “Monstro”

Em o Sétimo Guardião ,Tudo acontecerá quando Ondina  revelar que é mãe de Luz. Ela conversará com Muriloque a essa altura da trama saberá que sua filha com Neide foi adotada por uma família rica e morreu em um acidente de carro.

Ele ajudará a cafetina a encontrar a filha perdida e ao juntar as peças, descobrirá que se trata de Luz. Ondina então revelará a verdade para a ruiva, que ficará em choque ao descobrir toda a verdade.

Ondina revelará que seu ex-marido raptou a criança e a deixou no meio da pista em uma tempestade. “Mas o que pode ter acontecido para ele me deixar no mato, no meio de uma tempestade? Você acha que a intenção dele, quando me tirou de casa, já era essa?”, questionará Luz, segundo informações do colunista Daniel Castro do site Notícias da TV.

“Acho que Luis Carlos não sabia direito o que estava fazendo. Quis me atingir, depois que botei ele na rua, e usou você para conseguir isso. Eu não estava lá para ver, Luz, mas posso imaginar. Quando ele se viu com você nos braços, chorando, sem saber para onde ir, o que fazer. Se desesperou! Por isso fez o que fez”, dirá a guardiã.

Luz então perguntará se Ondina perdoou o ex-marido. “Nunca. Posso nascer e morrer cem vezes, nunca vou perdoar o que ele fez com você e comigo. Nos separar, nos impedir de viver uma vida juntas”, afirmará a cafetina.

MAIS SOBRE O SÉTIMO GUARDIÃO
Após a morte de Feliciano (Leopoldo Pacheco), os guardiães estão assustadíssimos e temem o pior. Esse já é o segundo membro da Irmandade que teve um final trágico em O Sétimo Guardião.

No cabaré da Ondina (Ana Beatriz Nogueira), o grupo se reúne para listar os possíveis suspeitos. Claro que Eurico (Dan Stulbach) não fica de fora. “Ele foi expulso da irmandade, foi castigado, se bandeou pro lado da Valentina primeiro, agora pro lado do Olavo… Já provou que é capaz de tudo!”, pontuam os guardiães.

Para tirar a história a limpo, os quatro membros restantes vão até a prefeitura e colocam o Prefeito contra a parede. O político reclama da invasão. “Temos umas perguntas pra fazer pro prefeito. E eu começo”, diz Aranha (Paulo Rocha).

Porém, Marilda não aceita que seu marido seja considerado um suspeito e reage. “Não foi o Eurico!!! Meu marido não matou ninguém! Eu juro!!!”, fala ela, assustada.

Após algum tempo, o grupo se convence que não vale a pena insistir com o prefeito e decide ir embora. Marilda, por sua vez, fica aliviada: “Pelo menos aqui temos um pouco de paz. Até que matem mais um dos teus coleguinhas da tal da irmandade… E aí vamos ter que passar por tudo isso de novo!”, diz.

A loira, em seguida, sai do quarto e deixa Eurico sozinho. Ele então dá uma risada macabra e fala para si mesmo: “De quem é a vez, qual guardião será o próximo? Uni duni tê, salame minguê, um sorvete colorê, o escolhido foi…”.

Fonte de informação: Resumo das novelas

DEIXE SEU COMENTÁRIO